domingo, 9 de setembro de 2007

Felizes e Inesquecíveis

A Silvinha do Doce Casinha me pediu para eu responder a esse meme sobre sete momentos felizes e inesquecíveis que passamos por nossa vida. Achei tão interessante, que sinto que estamos nos tornando cada vez mais íntimas uma das outras e será um grande prazer falar um pouco de nossa vida com todas vocês. "Felicidade compartilhada, alegria dobrada."
1. Natal sempre foi muito feliz para mim. A casa reunida, o cheirinho de comida gostosa, meus avós, tios, primos. Mas o melhor, claro: Presentes. Como demorava a hora de abri-los. Não me esqueço de quando ganhei uma boneca da Estrela chamada Crecy. Ela tinha um botão que você apertava e podia fazer o cabelo dela crescer e encurtar. Veio com escovinha, bobinhos, um monte de coisinhas. Adorei!
2. Inesquecível foi por volta dos 7 anos, quando meu pai me levou ao show do "Holiday on Ice", em São Paulo. Era meu sonho, eu achava a coisa mais linda do mundo patinar no gelo. A emoção dura até hoje.
3. Uma fase muito gostosa da minha vida foi dos 11 anos aos 14. Foi um tempo em que não tive preocupação nenhuma. Gostava de ir à escola, e jogava volei no time. Adorava treinar. Além de jogar na escola, treinava na ACM (Associação Cristã de Moços de Sorocaba). Era uma delícia. Eu era fanática por volei. Eu treinava 2ª/4ª/6 ª das 13:30 até as 16:00 hs. Tomava banho e quase nem conseguia voltar a pé para casa de tão cansada, porém realizada.
4. Felicidade mesmo foi o Amor, ai o amor... Quando comecei a namorar o meu marido (foi meu 2º namorado mais sério, os outros só paquera e casquinha (olha os velhos tempos, já estou nos 42. Naquele tempo não tinha essa de "ficar", vc podia até ser namoradeira, mas era namoro, um de cada vez de preferência). Comecei namorar aos 16 anos e além de ficar apaixonada, ele foi um amigo e companheiro que Deus me mandou para me ajudar a enfrentar os momentos mais difíceis de minha vida que estavam por vir. Vovó materna, que eu adorava, morava conosco e ficou doente, e logo depois meu pai também ficou. Ambos com câncer. Depois de tanta luta, com os dois, ainda vivemos momentos de esperança e alegria, mas o dia determinado por Deus chegou. Minha vó faleceu em junho e ele em agosto de 1985. Mas apesar do grande sofrimento e perda, nunca me senti abandonada por Deus. ELE nos carregou no colo o tempo todo. E o meu namorado e sua família se fizeram minha segunda família também.

5. Meu casamento, lógico, não ia passar em branco. Hoje fazemos exatamente 18 anos de casados. Foi uma cerimônia linda na Igreja Presbiteriana de Sorocaba, onde frequentávamos. Começamos a nossa vida em Campinas. Foi muito bom ter o nosso cantinho, nossa vida à dois. Foi um sonho ! Morávamos num apartamento de um dormitório, e trabalhando e conquistando nossos objetivos, com a ajuda de Deus mudamos para um de dois dormitórios. Uma graça também. Até chegar a nossa casa, com a criançada.

6. Deus nos reserva sempre uma felicidade maior que a outra. Nunca podia imaginar que quando minha filha Giovana nasceu, quando eu me tornei mãe, a felicidade fosse completa. Seu nome significa "presente de Deus" e olha, que presente. Uma bebezinha linda, loirinha de cabelinhos cacheados, olhos verdes e um doce de criança. Não deu nenhum trabalho fora do normal. Comia bem, dormia bem. Ela foi um daqueles bebês gostosos de cuidar. E isso depois de 7 anos de casada. (por opção).

7. E o sétimo momento só poderia ser a minha 2ª filha Gabriela, cravo e canela. Linda, fofinha e meiga. Morena com cabelos lisos e castanhos como eu. Tão esperta e fofinha, um docinho de bebê. Seu nome significa "mensageira de Deus". Também não deu trabalho nenhum fora do normal, dormia super bem e comia bem. Quando ela nasceu eu pensei: Duas? será que dou conta? Dá sim.

Como são somente sete momentos, não poderia falar da minha vida toda aqui. Mas agradeço ao Senhor que me abençoa a cada dia.

Agora passo a vez para a Cris, a Camila e a Sheila

"Quero trazer a memória o que me pode dar esperança" - Lam. 3-21

"As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos porque as misericórdias não têm fim; renovam-se a cada manhã. Grande é a tua fidelidade." Lam.3-22,23

"Bendize, ó minha alma ao Senhor e não te esqueças de nenhum só de seus benefícios." Sl.103-2

15 comentários:

Laurinha disse...

Cláudia, família sempre é tudo, desde aquela que estava nos aguardando até aquela que quisemos formar. Parabéns pela sua, linda!
Parabéns pelo aniversário de casamento, desejamos mais x18anos de felicidades!
Beijinhos,

Dinha disse...

Claudia, realmente estes sete momentos foram e sempre serão inesquecíveis para você! Deus é maravilhoso, e têm te abençoado muito com esta família linda que você têm. Um grande abraço.

Natércia disse...

Cláudia adorei os seus momentos lindos,mais ainda porque fala muito de DEUS para mim o meu PODER SUPERIOR a quem eu chomo de DEUS está ne frente de tudo,pois sem ELE eu não seria nada.um bjs Natércia...

Sheila disse...

Clau, querida, que post lindo!
As fotos, as palavras, tudo.... e sabe o que me emocionou de verdade? Vc colocar Lam. 3-21 no fim do texto. É o versiculo que carrego comigo, nas horas dificeis me apego a essa passagem para lembrar de tudo aquilo que o Senhor tem feito em minha vida. Fico muito feliz pela indicação e por conhecer um pouco mais desses momentos maravilhosos de sua vida =)
Deus te abençoe muito, minha amiga
bjo enorme!

Cris disse...

Claudia, fiquei emocionada com este post lindo!!! Parabéns pelos seus 18 anos! E que Deus continue derramando suas bençãos sobre vocês. Ele é fiel e justo para aqueles que os amam e buscam em primeiro lugar o seu reino. J. e eu estamos muito felizes de termos encontrado vocês, que nos acolheram como irmãos. A união e o amor de vocês é visível! Beijão!

Silvia Arruda disse...

Cláudia, adorei saber um pouco mais de vc... o que escreveu é mais uma prova do que eu achava de vc: uma pessoa muito sensível e especial! :)

Nani do Paulo disse...

Que post lindo! Parabéns pela linda familia!

Eliana Scaramal disse...

Lindo, lindo seu post!!

Sheila disse...

Oi Clau!

Olha só, vou te passar meu email particular e por lá te mando o do meu trabalho ok? É porque o daqui do escritorio é bem mais facil de manter contato, eu uso o do yahoo só de vez em quando =)

oceanus_sfp@yahoo.com.br

quando vc me escrever, te passo o outro tá?
bjão!!

Dinha disse...

Olá Claudia,
Sem nenhum problema querida, então o meu e-mail é (heidi.soares@gmail.com) e (heidi.soares@uol.com.br) ok!? Qualquer coisa é só entrar em contato, um grande abraço.

Celia disse...

Descobri que casamos no mesmo ano. Eu em maio. Gostei de ler seus momentos felizes e inesqueciveis. Um beijo

Cinara disse...

Obrigada por compartilhar um pouco da sua vida conosco, Clau! Seu texto está delicioso, e as fotos lindas expressam bem tudo que você disse... E descobri que temos mais uma coisa em comum: eu também *amo* patinação no gelo! ;o) Beijos e bom final de semana!

Iolanda disse...

Claudia que lindo o seu blog!!!Gostei demais....Você esta de parabéns,muitos beijos Iolanda

valentina disse...

Que lindas fotos.amei!!

Zilma disse...

Claudinha
Que linda história você contou.
Acho que voce está reunindo um material bárbaro, para escrever um livro.Você tem muito talento para escrever,muito bom gosto para as montagens e muuuuitoooo "gosto" (literalmente ) para os sabores que são perceptíveis até on line.
Beijinhos Já estou morendo de fome....

Blog Widget by LinkWithin